Quinta Feira Santa - Celebração Eucarística (17 ABR 2014)

Webnode
12/01/2014 22:39
 

 

MISSA DA QUINTA-FEIRA SANTA – A

 

1. O QUE CELEBRAREMOS: Missa Vespertina da Ceia do Senhor

– Lava-pés

- Instituição do sacerdócio

- Mandamento do Amor.

 

2. COMO CELEBRAREMOS?

- Na quinta-feira, o cibório com as partículas consagradas do sacrário deverá ser levado para o sacrário da Capela Sociedade de Cristo.

 - Preparar partículas para quinta e Sexta.

 

a) Ato Penitencial

- Fórmula Litânica

 

b) Durante o canto do Glória, tocam-se os sinos que permanecerão depois silenciosos até a Vigília pascal.

 

c) Cantos rituais

- Aclamações,  Santo, Cordeiro: CANTADO

- Pai Nosso – REZADO

- Após a Homilia, procede-se ao lava-pés

- Omite-se o Creio

 

3. RITO DA MISSA – Página 389 do Missal 

 

4. ORAÇÕES EUCOLÓGICAS

Orações do Dia: pag 247 do missal

Prefacio da Santíssima Eucaristia I:  pag 439 do missal

Oração Eucarística I: pag  469 do missal

- Distribuída a comunhão, a reserva eucarística para a comunhão do dia seguinte é deixada sobre o altar, e conclui-se a Missa com a oração depois da comunhão

 

5. TRANSLADAÇÃO DO SANTÍSSIMO SACRAMENTO

- Logo após o padre incensar o Santíssimo forma-se a procissão: Incenso – Cruz – Matracas – Mescs – Leitores – Velas – Ministros ordenados com o Santíssimo.

- Quando a procissão chega ao local da reposição, o sacerdote deposita os cibórios no tabernáculo. A cruz fica à direita do sacrário voltada para o povo. Colocado o incenso no turíbulo, o sacerdote ajoelha-se e incensa o Santíssimo Sacramento enquanto se canta tão Sublime Sacramento. Em seguida, fecha-se o tabernáculo.

- Após alguns momentos de adoração silenciosa, os ministros ordenados voltam à sacristia enquanto os Mescs coordenam uma breve vigília eucarística em forma de Ofício Divino.

- Retiram-se as toalhas do altar. A cruz procissional vai para a sacristia e a cruz do Coro deve estar velada.  

 

6. SALMO RESPONSORIAL Sl 115 (116)

R. O cálice por nós abençoado

é a nossa comunhão com o sangue do Senhor.

 

Que poderei retribuir ao Senhor Deus

por tudo aquilo que ele fez em meu favor?

Elevo o cálice da minha salvação,

invocando o nome santo do Senhor.

 

É sentida por demais pelo Senhor

a morte de seus santos, seus amigos.

Eis que sou o vosso servo, ó Senhor,

mas me quebrastes os grilhões da escravidão!

 

Por isso oferto um sacrifício de louvor,

invocando o nome santo do Senhor.

Vou cumprir minhas promessas ao Senhor

na presença de seu povo reunido.

 

7. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

R. Glória a vós, ó Cristo, verbo de Deus.

 

Eu vos dou este novo Mandamento,

nova ordem, agora, vos dou,

que, também,vos ameis uns aos outros,

como eu vos amei, diz o Senhor.